Loading...
NOSSA PROPOSTA

Este blog é uma realização de jovens jornalistas da Universidade Salgado de Oliveira, em Niterói, trazendo o que acontece na cidade e adjacências nas áreas de educação, moda, cultura, lazer, esportes, política, economia, responsabilidade social e temas da atualidade, destacando o jornalismo comunitário.

Pesquisar este blog

sábado, 11 de junho de 2011

POVO APOIA BOMBEIROS GREVISTAS

POVO APOIA BOMBEIROS GREVISTAS

Após a prisão dos 439 Bombeiros Militares por invadirem o Quartel general na manhã de sábado, o povo carioca tem demostrado solidariedade aos bravos-heróis. Papéis foram jogados dos carros, e prédios com mensagens de apoio, fitas vermelhas eram presas nos braços de todos que passavam pelo local: " é covardia prender bombeiros, eles  não podem ser tratados como bandidos, a  luta por salários é digna e justa". Até o presente  momento o Governador Sérgio Cabral não se manisfestou para dialogar com representantes da Corporação.

Heverton Marinho

2 comentários:

  1. É isso ai o povo unido jamais será vencido!

    ResponderExcluir
  2. Por que o ato dos bombeiros cria um precedente perigoso

    Os bombeiros assim como qualquer categoria têm o direito de pedir melhoria salarial, ocorre que por servirem junto com a PM, sob regime militar, lhes é vetado o direto à greve. Nos últimos dias o que tenho visto no Rio é um circo. Uma categoria que vem sendo “doutrinada” por políticos faz meses, chega ao ponto de rasgar sua lei militar, invadir um quartel, ocupar e inutilizar viaturas.
    Ora, isso é inadmissível em um estado de direito. Imaginemos se médicos decidem fazer greve, invadir hospitais, furar pneu das ambulâncias e trancar as portas; E se um dia policiais em greve ocuparem os presídios e ameaçarem soltar os presos? Não obstante, teríamos ainda a possibilidade de Soldados do exército em greve, colocarem tanques para obstruir vias. Pergunto: Onde a sociedade vai parar? É esse o precedente que a sociedade deseja abrir com os bombeiros?
    Para que não corramos esse risco há uma legislação militar que rege as FFA, Bombeiros e a PM. Independente de qualquer pleito salarial, ela tem de ser respeitada. No momento em que a sociedade permitir que essa lei seja ignorada, estará pondo em risco sua própria ordem.

    ResponderExcluir